A curiosidade, a pesquisa e o papel encorajador dos bibliotecários

Neste artigo,  Sparking curiosity – Librarians’ role in encouraging exploration as autoras discutem como uma compreensão mais profunda da curiosidade pode inspirar estratégias instrucionais e atividades baseadas em sala de aula que fornecem aos alunos uma nova visão do processo de pesquisa.

Os bibliotecários entendem que as barreiras à pesquisa são multidimensionais e geralmente envolvem preocupações afetivas, cognitivas e técnicas.

Ainda apresenta um questionário de avaliação de curiosidade.

Photo by Freddy Marschall on Unsplash

Juliana Reis

Atualmente trabalho na pesquisa do doutorado, na escrita de artigos,  no desenvolvimento de ferramentas de apoio à boas práticas científicas, em apresentações e cursos relacionados com as temáticas: mobilização, tradução e gestão do conhecimento. Twitter @a_julianareis

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s