Ir para conteúdo

120 batimentos por minuto

120 batimentos por minuto é um filme francês com a direção de Robin Campillo. Relata os esforços da atuação do grupo ativista Act Up, na França dos anos 1990, para que a sociedade reconheça a importância da prevenças e do tratamento da aids.

Na minha opinião este filme apresenta uma série de possibilidades para reflexão e debate nos campos da saúde, da saúde pública, da comunicação e saúde, da história da saúde entre outros.

A perspectiva  de inclusão das associações de pacientes e grupos ativistas na história da saúde,  a pesquisa sobre engajamento em saúde são lacunas de conhecimento pouco relatada no Brasil.

Iniciativas de estudos sobre engajamento em saúde na Europa e no Canadá tem avançado.

Outro aspecto relevante é a força motriz da comunicação para as políticas públicas, que esse filme é ótimo para ampliar o debate.

Para saber mais sobre engajamento em saúde acesse “Health engagement”

Juliana Reis Ver tudo

Enfermeira, especialista em informação e comunicação científica, mestre em saúde materno infantil, doutoranda em saúde pública e meio ambiente e bibliotecária em formação. Trabalho com informação há mais de dez anos. Tenho interesse em pensamento sistêmico, mobilização do conhecimento e desenvolvimento de competência para impacto da pesquisa.
https://ajulianareis.com/
Twitter @a_julianareis

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: